dezembro 15, 2010

***************** FILMES E MULHERES


jessica tandy ("tomates verdes fritos")

Hoje eu quero aqui dar algumas dicas de filmes que tratam da questão da mulher e que são, além disso, obras de arte, delicadas e bem-feitas, cheias de questionamentos, interrogações, perplexidades, reflexões e – por que não? – diversão.

São filmes que trabalham quase todos na vertente da auto-estima feminina e da sua capacidade de virar o jogo e se afirmar, mesmo que isso resulte na destruição e na morte como vemos, por exemplo, em THELMA E LOUISE onde as protagonistas, depois de um verdadeiro “tour de force” para escapar do machismo e seus preconceitos, encontram a liberdade na auto-destruição. Mas nem todos são assim trágicos.

O belíssimo FLORES DE AÇO mostra mulheres de todas as idades, cada uma delas com seus problemas pessoais e particulares, que se agudizam em torno do casamento da personagem vivida por Julia Roberts. O filme é mesmo um belo hino à maternidade, e tem um desempenho magistral de Shirley MacLaine.

O CLUBE DA FELICIDADE E DA SORTE traz a história de mulheres de gerações diferentes, mães e filhas, imigrantes chinesas, vivendo nos Estados Unidos. A evocação dos dramas vividos no país natal, a forma como se relacionam com a sociedade americana e o dilema entre essas duas culturas faz desse filme uma grande obra de arte, sem contar a beleza das atrizes, todas orientais.

Winona Ryder está em COLCHA DE RETALHOS, representando uma jovem indecisa frente ao casamento. Sua mãe e amigas decidem bordar para ela uma “colcha de casamento”, seguindo a tradição, e enquanto constroem o bordado vão resgatando episódios passados de suas vidas, e resolvendo velhas pendências. Quando a colcha fica pronta, nada mais é como antes. Os desempenhos de Anne Bancroft e Ellen Burstyn são absolutamente magistrais.

Já em TOMATES VERDES FRITOS a narrativa se divide em dois níveis: enquanto duas mulheres rememoram o passado, a vida de uma delas vai se transformando, inspirada no exemplo dos relatos. A tônica do filme é o amor e a solidariedade entre mulheres, num mundo repleto de preconceitos e dificuldades.

Finalmente, o divertido CLUBE DAS DESQUITADAS, onde três mulheres abandonadas pelos maridos vão à forra; A GAROTA DE ROSA SHOCKING, saboroso romance adolescente e, como é impossível resistir a uma história de Cinderela, o manjadíssimo UMA LINDA MULHER, que sempre faz sonhar quem assiste. É isso aí.

Texto de CLOTILDE TAVARES

7 comentários:

annastesia disse...

Colcha de retalhos, Tomates verdes fritos e Thelma e Louise são os meus favoritos dentre os filmes citados. São como você disse delicados, bem-feitos, com questionamentos e reflexões e ainda assim divertidos.

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Annastesia, o texto não é meu. Foi escrito pela escritora paraibana Clotilde Tavares, autora de "A Magia do Cotidiano". Dê uma navegada no blog dela. Muito bom.
Abraços,

annastesia disse...

Pois é. Além de estar cega, cometi uma injustiça com Clotilde! Assim não dá!

Kley disse...

Mães em Luta e Longe Dela também são ótimos filmes sobre mulheres.

JAMIL J. LANDIM disse...

De todos os filmes citados o melhorzinha é Thelma e Louise... melhorzinho...e graças à Susan Sarandon. Filme sobre mulheres de primeira qualidade? Persona, O Silêncio, Gritos e Sussurros...

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

LONGE DELA é edmocionante, Kley. A Julie Christie se supera.

Nina Almeida disse...

Junior, maravilhoso, isso é uma riqueza e não um Blog: cuidado com tua senha, ela é a chave secreta desse tesouro, guarde com segurança - parabens.