abril 08, 2015

****** O FORA-DA-LEI BILLY THE KID NO CINEMA


Dos personagens reais do Velho Oeste, cujas histórias sobre eles contadas ao longo de mais de uma centena de anos acabaram sendo distorcidas e, por isso mesmo tornaram-se lendas, são bem conhecidos os homens da lei Wyatt Earp e Wild Bill Hickok e os irmãos bandidos Jesse e Frank James. Porém, apesar da sua curta e conturbada existência, a saga do pistoleiro BILLY THE KID (pseudônimo de William Henry McCarty, Jr; 23 de novembro de 1859 - 14 de julho de 1881) é a mais famosa. Notório ladrão de gado e assassino, descrito muitas vezes como um idiota homicida (ou um garoto incompreendido que andava com más companhias), foi relembrado há pouco quando tentaram reabilitar sua memória no estado do Novo México, onde viveu a maior parte dos seus 21 anos (nasceu em Nova York), agiu e morreu. Em vão. O governador Bill Richardson negou o pedido de perdão póstumo, e ele permanece como facínora no imaginário de todos os que curtem o western.

a única foto de billy the kid
Este gênero – o grande gênero norte-americano, segundo o crítico francês André Bazin — celebrou BILLY THE KID de todas as maneiras, indo do heroico ao trágico. Anônimo em vida, ele ganhou fama pós-morte devido a um livro biográfico pouco sério, The Authentic Life of Billy the Kid, escrito pelo seu carrasco, o xerife e ex-colega de roubos Pat Garrett (também seu amante, segundo alguns). Com o tempo, ganhou a reputação de ter sido um dos mais cruéis e frios assassinos das pradarias. De acordo com uma popular lenda, ele teria matado 21 homens, exatamente o mesmo número de anos que viveu. No entanto, registros históricos e relatos não provam esse número de mortes. Essa lenda teve origem no seu obituário, publicado pelo jornal sensacionalista “Santa Fe Weekly Democrat”, em 21 de Julho de 1881. O mesmo informava erroneamente que o pistoleiro que matou um homem para cada ano de vida, havia sido encontrado e consequentemente morto pelo xerife de Lincoln, Pat Garrett.

A fama do jovem bandido cresceu com o passar do tempo, retratado em jornais, panfletos e livros vendidos aos montes para um povo carente de celebridades. Pat Garrett, a outra face dessa história, ganhou notoriedade, dinheiro, mas acabou assassinado a tiros em 1908. Alguns historiadores falam da suposta homossexualidade do facínora, explorado discretamente nos filmes “O Proscrito”, “Um de Nós Morrerá” e “Billy the Kid - A Lenda”, os dois últimos com roteiro de Gore Vidal. 

BILLY THE KID era baixinho, louro, dentuço, desleixado, mas no cinema foi interpretado por belos atores, de Robert Taylor a Paul Newman. Em 1930, Hollywood produziria a primeira versão da sua vida em “O Vingador”, dirigido pelo mestre King Vidor e com roteiro baseado no livro fantasioso “The Saga of Billy the Kid”, de Walter Noble Burns. O grande Wallace Beery co-protagoniza como Pat Garrett. Muitas outras cinebiografias se debruçaram sobre o personagem, mas foi Sam Peckinpah quem criou o seu retrato definitivo, no controverso e alegórico “Pat Garrett e Billy the Kid” (1973). Confira vários atores que interpretaram o mítico bandido:

ANTHONY DEXTER

DESTINO VIOLENTO
(The Parson and the Outlaw, 1957)
de Oliver Drake

AUDIE MURPHY

DUELO SANGRENTO
(The Kid From Texas, 1950)
de Kurt Neumann

BOB STEELE

BILLY, O FORAGIDO
(Billy the Kid Outlawed, 1940)
de Sam Newfield

Steele fez seis westerns-B como Billy the Kid, todos filmados entre os anos 1940-1941, para o pequeno estúdio Producers Releasing Company (PRC).

BUSTER CRABBE

BILLY THE KID WANTED
(1941)
de Sam Newfield

O ex-campeão olímpico de natação Buster Crabbe atuou numa série de doze filmes como Billy the Kid. Esse foi o primeiro.

DEAN STOCKWELL

THE LAST MOVIE
(1971)
de Dennis Hopper

DEAN WHITE

A VOLTA DOS HOMENS MAUS
(Return of the Bad Men, 1948)
de Ray Enright

EMILIO ESTEVEZ

OS JOVENS PISTOLEIROS
(Young Guns, 1988)
de Christopher Cain

 Dois anos depois, ele repetiria o papel em Jovens Demais para Morrer – II Young Guns II.

GEOFFREY DEUEL

CHISUM, UMA LENDA AMERICANA
(Chisum, 1970)
de Andrew V. McLaglen

JACK BUETEL

O PROSCRITO
(The Outlaw, 1943)
de Howard Hughes e Howard Hawks

Um faroeste de produção acidentada, que começou a ser rodado em 1940 e enfrentou toda sorte de dificuldades. A Metro-Goldwyn-Mayer moveu uma ação contra o produtor-diretor Howard Hughes, tentando impedir a realização do filme cujo personagem era o mesmo do seu “Gentil Tirano”. Com 15 dias de filmagens, o diretor Howard Hawks abandonou o longa que passou a ser dirigido pelo próprio Hughes. O excesso de sadismo fez com que só pudesse ser exibido em 1947.

JOHNNY MACK BROWN

O VINGADOR
(Billy the Kid, 1930)
de King Vidor

KRIS KRISTOFFERSON

PAT GARRETT E BILLY THE KID
(Pat Garrett and Billy the Kid, 1973)
de Sam Peckinpah

MICHAEL J. POLLARD

DIRTY LITTLE BILLY
(1972)
de Stan Dragoti

NICK ADAMS

UMA ESTRANHA EM MEU DESTINO
(Strange Lady in Town, 1955)
de Mervyn LeRoy

PAUL NEWMAN

UM DE NÓS MORRERÁ
(The Left Handed Gun, 1958)
de Arthur Penn

Baseado no TV-movie “The Death of Billy the Kid”, de autoria de Gore Vidal, também protagonizado por Paul Newman.

PETER LEE LAWRENCE

O HOMEM QUE MATOU BILLY THE KID
(El Hombre que Mató a Billy the Kid, 1967)
de Julio Buchs

ROBERT TAYLOR

GENTIL TIRANO
(Billy the Kid, 1941)
de David Miller

SCOTT BRADY

O ÚLTIMO MATADOR
(The Law vs. Billy the Kid, 1954)
de William Castle

VAL KILMER

BILLY THE KID - A LENDA
(Billy the Kid, 1989)
de William A. Graham






kris kristofferson

7 comentários:

Marcelo Castro Moraes disse...

Se não me engano teve até Billy the Kid x Drácula

Eddie Lancaster disse...

...Mais um grande trabalho do amigo Nahud!
Na minha modesta opinião o melhor dos filmes a respeito do "Bandido" Billy The Kid, é UM DE NÓS MORRERÁ, do grande diretor Arhtur Penn!
Você postou certo a foto antiga do Billy, posto que anteriormente ela tinha sido publicada como se ele fosse canhoto, quando na verdade ele era destro.
Fisicamente falando, o ator mais parecido com o fora-da-lei, é o ator - Michael J. Pollard.

Suzane Weck disse...

Ola meu caro amigo,enfim ,depois de tanto tempo,mais um retorno..........Encantada em estar visitando teu espaço novamente,e como sempre me deliciar com tuas postagens brilhantes.Gostaria de saber se recebestes meu email de talvez 2 meses atras.È com muita alegria que deixo aqui aquele abraço com muito carinho.SU

disse...

Excelente postagem! Há alguns anos fiz uma parecida sobre Wyatt Earp e Doc Holiday. Não sabia que Dean Stockwell tinha interpretado Billy the Kid.
Abraços!

Marlene Mahovlic disse...

Maravilha de post! Quantos filmes sobre este personagem.... dá vontade de assistir todos! Obrigada!

Paulo Telles disse...

As melhores versões cinematográficas sobre Billy The Kid foram os estrelados por Kris Kristopherson e Paul Newman, este, pura desmistificação. Excelente matéria.

claudia brando freitas disse...

Muito legal sua matéria meus interpretes favoritos do Billy são Emílio Estevez ( o filho mais talentoso e bonito de Martin Sheen) e o magnifico cantor/ator kris kristopherson!