março 10, 2018

***************** As DUPLAS ROMÂNTICAS - PARTE I



Ao longo da história, a indústria cinematográfica juntou duplas lendárias cuja química arrebatou o público, além de valorizar o amor romântico e os mais absurdos enredos nas telas. Engrenagem fundamental de inúmeras produções, garantindo sucessos de bilheteira, elas constituíram uma das características do star system, nos anos dourados do cinema, representando a união de estrelas carismáticas e apaixonantes.

Recordo aqui as principais DUPLAS ROMÂNTICAS e seus filmes. Essas combinações mágicas incendiaram as telas e os corações de milhares de fãs de todo o mundo. A pesquisa, evidentemente, não é completa, e levou em conta principalmente os pares que fizeram quatro ou mais filmes juntos, abrindo exceção para Doris Day e Rock Hudson, que trabalharam em apenas três comédias e causaram forte impacto.

Qual seria a mais bem sucedida de todos os tempos? É uma questão pessoal. Listo 48, divididas em duas postagens. A decisão final é sua.

ALICE TERRY e RAMON NOVARRO
05 filmes, de 1922 a 1927

O PRISIONEIRO DE ZENDA
(The Prisoner of Zend, 1922)
direção de Rex Ingram

 WHERE THE PAVEMENT ENDS
(1922)
direção de Rex Ingram

SCARAMOUCHE
(Idem, 1923)
direção de Rex Ingram

O ÁRABE ARISTOCRATA
(The Arab, 1924)
direção de Rex Ingram

AMANTES
(Lovers?, 1927)
direção de John M. Stahl

BETTE DAVIS e GEORGE BRENT
10 filmes, de 1932 a 1942

NO PALCO DA VIDA
(So Big!, 1932)
direção de William A. Wellman

DONA DE CASA
(Housewife, 1934)
direção de Alfred E. Green

MISS REPÓRTER
(Front Page Woman, 1935)
direção de Michael Curtiz

NAS GARRAS DA LEI
(Special Agent, 1935)
direção de William Keighley

A FLECHA DE OURO
(The Golden Arrow, 1936)
direção de Alfred E. Green

JEZEBEL
(Idem, 1938)
direção de William Wyler

VITÓRIA AMARGA
(Dark Victory, 1939)
direção de Edmund Goulding

EU SOUBE AMAR
(The Old Maid, 1939)
direção de Edmund Goulding

A GRANDE MENTIRA
(The Great Lie, 1941)
direção de Edmund Goulding

NASCIDA PARA O MAL
(In This Our Life, 1942)
direção de John Huston

CATHERINE DENEUVE e GÉRARD DEPARDIEU
08 filmes, de 1980 a 2017

O ÚLTIMO METRÔ
(Le Dernier Metro, 1980)
direção de François Truffaut

JE VOUS AIME
(Idem, 1980)
direção de Claude Berri

FORTE SAGANNE
(Idem, 1984)
direção de Alain Corneau

AS CENTO E UMA NOITES
(1995)
direção de Agnès Varda

TEMPOS QUE MUDAM
(2004)
direção de André Téchiné

POTICHE - ESPOSA TROFÉU
(Potiche, 2010)
direção de François Ozon

ASTÉRIX E OBÉLIX: A SERVIÇO DE SUA MAJESTADE
(Astérix & Obélix: Au Service de sa Majesté, 2012)
direção de Laurent Tirard

BONNE POMME
(2017)
direção de Florence Quentin

CLAUDETTE COLBERT e FRED MacMURRAY
07 filmes, de 1935 a 1948

O LÍRIO DOURADO
(The Gilded Lily, 1935)
direção de Wesley Ruggles

ROUBADA DO ALTAR
(The Bride Comes Home, 1935)
direção de Wesley Ruggles

A DONZELA DE SALEM
(Maid of Salem, 1937)
direção de Frank Lloyd

SEM TEMPO PARA AMAR
(No Time for Love, 1943)
direção de Mitchell Leisen

ADORÁVEL ENGANO
(Practically Yours, 1944)
direção de Mitchell Leisen

O OVO E EU
(The Egg and I, 1947)
direção de Chester Erskine

LUA DE MEL COM PIMENTA
(Family Honeymoon, 1948)
direção de Claude Binyon

CYD CHARISSE e GENE KELLY
05 filmes, de 1948 a 1955

MINHA VIDA É UMA CANÇÃO
(Words and Music, 1948)
direção de Norman Taurog

CANTANDO NA CHUVA
(Singin' in the Rain, 1952)
direção de Stanley Donen e Gene Kelly

A LENDA DOS BEIJOS PERDIDOS
(Brigadoon, 1954)
direção de Vincente Minnelli

BEM NO MEU CORAÇÃO
(Deep in My Heart, 1954)
direção de Stanley Donen

DANÇANDO NAS NUVENS
(It's Always Fair Weather, 1955)
direção de Stanley Donen e Gene Kelly

DEBORAH KERR e ROBERT MITCHUM
04 filmes, de 1957 a 1985

O CÉU É TESTEMUNHA
(Heaven Knows, Mr. Allison, 1957)
direção de John Huston

PEREGRINO DA ESPERANÇA
(The Sundowners, 1960)
direção de Fred Zinnemann

DO OUTRO LADO, O PECADO
(The Grass Is Greener, 1960)
direção de Stanley Donen

REUNION AT FAIRBOROUGH
(Idem, 1985)
direção de Herbert Wise

DIANE KEATON e WOODY ALLEN
06 filmes, de 1972 a 1978

SONHOS DE UM SEDUTOR
(Play It Again, Sam, 1972)
direção de Herbert Ross

O DORMINHOCO
(Sleeper, 1973)
direção de Woody Allen

A ÚLTIMA NOITE DE BORIS GRUSHENKO
(Love and Death, 1975)
direção de Woody Allen

NOIVO NEURÓTICO, NOIVA NERVOSA
(Annie Hall, 1977)
direção de Woody Allen

MANHATTAN
(Idem, 1978)
direção de Woody Allen

UM MISTERIOSO ASSASSINATO EM MANHATTAN
(Manhattan Murder Mystery, 1993)
direção de Woody Allen

DOLORES DEL RIO e PEDRO ARMENDARIZ
07 filmes, de 1943 a 1958

FLOR SILVESTRE
(Idem, 1943)
direção de Emilio Fernández

MARIA CANDELÁRIA
(Idem, 1944)
direção de Emilio Fernández

CORAÇÃO TORTURADO
(Bugambilia, 1945)
direção de Emilio Fernández

AS ABANDONADAS
(Las Abandonadas, 1945)
direção de Emilio Fernández

DOMÍNIO DE BÁRBAROS
(The Fugitive, 1947)
direção de John Ford

CORAÇÃO TORTURADO
(La Malquerida, 1949)
direção de Emilio Fernández

LA CUCARACHA
(Idem, 1958)
direção de Ismael Rodríguez

DORIS DAY e ROCK HUDSON
03 filmes, de 1959 a 1964

CONFIDÊNCIAS À MEIA-NOITE
(Pillow Talk, 1959)
direção de Michael Gordon

VOLTA MEU AMOR
(Lover Come Back , 1961)
direção de Delbert Mann

NÃO ME MANDEM FLORES
(Send Me no Flowers, 1964)
direção de Norman Jewison

DOROTHY LAMOUR e BING CROSBY
11 fimes, de 1940 a 1962

A SEREIA DAS ILHAS
(Road to Singapore, 1940)
direção de Victor Schertzinger

TENTAÇÃO DE ZANZIBAR
(Road to Zanzibar, 1941)
direção de Victor Schertzinger

A SEDUÇÃO DE MARROCOS
(Road to Morocco, 1942)
direção de David Butler

COQUETEL DE ESTRELAS
(Star Spangled Rhythm, 1942)
direção de George Marshall

A CANÇÃO DE DIXIE
(Dixie, 1943)
direção de A. Edward Sutherland

DOIS MALANDROS E UMA GAROTA
(Road to Utopia, 1945)
direção de Hal Walker

CARNAVAL DE ESTRELAS
(Duffy`s Tavern, 1945)
direção de Hal Walker

A CAMINHO DO RIO
(Road to Rio, 1948)
direção de Norman Z. McLeod

ORFÃS DA TEMPESTADE
(Here Comes the Groom, 1951)
direção de Frank Capra

DE TANGA E SARONGUE
(Road to Bali, 1952)
direção de Hal Walker

DOIS ERRADOS NO ESPAÇO
(The Road to Hong Kong, 1962)
direção de Norman Panama

ELIZABETH TAYLOR e RICHARD BURTON
11 filmes, de 1963 a 1973

GENTE MUITO IMPORTANTE
(The V.I.P.s, 1963)
direção de Anthony Asquith

CLEÓPATRA
(Cleopatra, 1963)
direção de Joseph L. Mankiewicz

ADEUS ÀS ILUSÕES
(The Sandpiper, 1965)
direção de Vincente Minnelli

QUEM TEM MEDO DE VIRGÍNIA WOOLF?
(Who's Afraid of Virginia Woolf?, 1966)
direção de Mike Nichols

A MEGERA DOMARA
(The Taming of the Shrew, 1967)
direção de Franco Zefirelli

DOUTOR FAUSTUS
(Doctor Faustus, 1967)
direção de Richard Burton e Nevill Coghill

OS FARSANTES
(The Comedians, 1967)
direção de Peter Glenville

O HOMEM QUE VEIO DE LONGE
(Boom, 1968)
direção de Joseph Losey

SOB O BOSQUE DE LEITE
(Under Milk Wood, 1972)
direção de Andrew Sinclair

UNIDOS PELO MAL
(Hammersmith Is Out, 1972)
direção de Peter Ustinov

DIVÓRCIO DELE, DIVÓRCIO DELA
(Divorce His - Divorce Hers, 1973)
direção de Waris Hussein

GENE TIERNEY e DANA ANDREWS
05 filmes, de 1941 a 1950

CAMINHO ÁSPERO
(Tobacco Road, 1941)
direção de John Ford

FORMOSA BANDIDA
(Belle Starr, 1941)
direção de Irving Cummings

LAURA
(Idem, 1944)
direção de Otto Preminger

A CORTINA DE FERRO
(The Iron Curtain, 1948)
direção de William A. Wellmann

PASSOS NA NOITE
(Where the Sidewalk Ends, 1950)
direção de Otto Preminger

GINGER ROGERS e FRED ASTAIRE
10 filmes, de 1933 a 1949

VOANDO PARA O RIO
(Flying Down to Rio, 1933)
direção de Thornton Freeland

A ALEGRE DIVORCIADA
(The Gay Divorcee, 1934)
direção de Mark Sandrich

ROBERTA
(Idem, 1935)
direção de William A. Seiter

O PICOLINO
(Top Hat, 1935)
direção de Mark Sandrich

NAS ÁGUAS DA ESQUADRA
(Follow the Fleet , 1936)
direção de Mark Sandrich

RITMO LOUCO
(Swing Time, 1936)
direção de George Stevens

VAMOS DANÇAR
(Shall We Dance, 1937)
direção de Mark Sandrich

DANCE COMIGO
(Carefree, 1938)
direção de Mark Sandrich

A HISTÓRIA DE VERNON E IRENE CASTLE
(The Story of Vernon and Irene Castle, 1939)
direção de H. C. Potter

CIÚME, SINAL DE AMOR
(The Barkleys of Broadway, 1949)
direção de Charles Walters

GREER GARSON e WALTER PIDGEON
08 filmes, de 1941 a 1953

FLORES DO PÓ
(Blossoms in the Dust, 1941)
direção de Mervyn LeRoy

ROSA DE ESPERANÇA
(Mrs. Miniver, 1942)
direção de William Wyler

MADAME CURIE
(Idem, 1943)
direção de Mervyn LeRoy

MRS. PARKINGTON, A MULHER INSPIRAÇÃO
(Mrs. Parkington, 1944)
direção de Tay Garnett

TRAVESSURAS DE JULIA
(Julia Misbehaves, 1948)
direção de Jack Conway

A GLÓRIA DE AMAR
(That Forsyte Woman, 1949)
direção de Compton Bennett

ROMANCE DE UMA ESPOSA
(The Miniver Story, 1950)
direção de H.C. Potter

O MARIDO DE MAMÃE
(Scandal at Scourie, 1953)
direção de Jean Negulesco

GRETA GARBO e JOHN GILBERT
04 filmes, de 1926 a 1933

A CARNE E O DIABO
(Flesh and the Devil, 1926)
direção de Clarence Brown

ANNA KARENINA
(Love, 1927)
direção de Edmund Goulding

MULHER DE BRIO
(A Woman of Affairs, 1928)
direção de Clarence Brown

RAINHA CRISTINA
(Queen Christina, 1933)
direção de Rouben Mamoulian

JANE FONDA e ROBERT REDFORD
04 filmes, de 1966 a 2017

CAÇADA HUMANA
(The Chase, 1966)
direção de Arthur Penn

DESCALÇOS NO PARQUE
(Barefoot in the Park, 1967)
direção de Gene Saks

O CAVALEIRO ELÉTRICO
(The Electric Horseman, 1979)
direção de Sydney Pollack

 NOSSAS NOITES
(Our Souls at Night, 2017)
direção de Ritesh Batra

JANET GAYNOR e CHARLES FARRELL
12 filmes, de 1927 a 1934

SÉTIMO CÉU
(7th Heaven, 1927)
direção de Frank Borzage

O ANJO DAS RUAS
(Street Angel, 1928)
direção de Frank Borzage

ESTRELA DITOSA
(Lucky Star, 1929)
direção de Frank Borzage

UM SONHO QUE VIVEU
(Sunnyside Up, 1929)
direção de David Butler

DIAS FELIZES
(Happy Days, 1930)
direção de Benjamin Stoloff

TRISTEZAS DA ARISTOCRACIA
(High Society Blues, 1930)
direção de David Butler

DIVINO PECADO
(The Man Who Came Back, 1931)
direção de Raoul Walsh

MARY ANN
(Merely Mary Ann, 1931)
direção de Henry King

DELICIOSA
(Delicious, 1931)
direção de David Butler

CASAR É ASSIM
(The First Year, 1932)
direção de William K. Howard

BORRASCA
(Tess of the Storm Country, 1932)
direção de Alfred Santell

O SEU PRIMEIRO AMOR
(Change of Heart, 1934)
direção de John G. Blystone

JANET LEIGH e TONY CURTIS
05 filmes, de 1953 a 1960

HOUDINI, O HOMEM MIRACULOSO
(Houdini, 1953)
direção de George Marshall

O ESCUDO NEGRO DE FALWORTH
(The Black Shield of Falworth, 1954)
direção de Rudolph Maté

VIKINGS, OS CONQUISTADORES
(The Vikings, 1958)
direção de Richard Fleischer

DE FOLGA PARA AMAR
(The Perfect Furlough, 1958)
direção de Blake Edwards

QUEM ERA AQUELA PEQUENA?
(Who Was That Lady?, 1960)
direção de George Sidney

JEAN HARLOW e CLARK GABLE
05 filmes, de 1932 a 1937

TERRA DE PAIXÃO
(Red Dust, 1932)
direção de Victor Fleming

PARA AMAR E SER AMADA
(Hold Your Man, 1933)
direção de Sam Wood

MARES DA CHINA
(China Seas, 1935)
direção de Tay Garnett

CIÚMES
(Wife vs. Secretary, 1936)
direção de Clarence Brown

SARATOGA
(Idem, 1937)
direção de Jack Conway

JEANETTE MACDONALD e NELSON EDDY
08 filmes, de 1935 a 1942

OH, MARIETA!
(Naughty Marietta, 1935)
direção de W.S. Van Dyke e Robert Z. Leonard

ROSE MARIE
(Idem, 1936)
direção de W.S. Van Dyke

PRIMAVERA
(Maytime, 1937)
direção de Robert Z. Leonard

A PRINCESA DO ELDORADO
(The Girl of the Golden West, 1938)
direção de Robert Z. Leonard

CANÇÃO DE AMOR
(Sweethearts, 1938)
direção de W.S. Van Dyke

LUA NOVA
(New Moon, 1940)
direção de W.S. Van Dyke e Robert Z. Leonard

DIVINO TORMENTO
(Bitter Sweet, 1940)
direção de W.S. Van Dyke

CASEI COM UM ANJO
(I Married an Angel, 1942)
direção de W.S. Van Dyke

JENNIFER JONES e JOSEPH COTTEN
04 filmes, de 1944 a 1948

DESDE QUE PARTISTE
(Since You Went Away, 1944)
direção de John Cromell

UM AMOR EM CADA VIDA
(Love Letters, 1945)
direção de William Dieterle

DUELO AO SOL
(Duel in the Sun, 1946)
direção de King Vidor

O RETRATO DE JENNIE
(Portrait of Jennie, 1948)
direção de William Dieterle

JOAN BLONDELL e JAMES CAGNEY
07 filmes, de 1930 a 1934

SINNER`S HOLLIDAY
(Idem, 1930)
direção de ohn G. Adolfi

MULHER DO OUTRO
(O’thers Men Women, 1931)
direção de William A. Wellman

INIMIGO PÚBLICO
(The Public Enemy, 1931)
direção de William A. Wellman

TRAVESSURAS DE UMA LOURA
(Blonde Crazy, 1931)
direção de Roy Del Ruth

DELIRANTE
(The Crowd Roars, 1932)
direção de Howard Hawks

BELEZAS EM REVISTA
(Footlight Parade, 1933)
direção de Lloyd Bacon

O HOMEM QUE EU PERDI
(He Was Her Man, 1934)
direção de Lloyd Bacon

JOAN CRAWFORD e CLARK GABLE
08 filmes, de 1931 a 1940

QUANDO O MUNDO DANÇA
(Dance, Fools, Dance, 1931)
direção de Harry Beaumont

ALMAS PECADORAS
(Laughing Sinners, 1931)
direção de Harry Beaumont

POSSUÍDA
(Possessed, 1931)
direção de Clarence Brown

AMOR DE DANÇARINA
(Dancing Lady, 1933)
direção de Robert Z. Leonard

ACORRENTADA
(Chained, 1934)
direção de Clarence Brown

QUANDO O DIABO ATIÇA
(Forsaking All Others, 1934)
direção de W.S. Van Dyke

DO AMOR NINGUÉM FOGE
(Love on the Run, 1936)
direção de W.S. Van Dyke

ALMAS REBELDES
(Strange Cargo, 1940)
direção de Frank Borzage

JOANNE WOODWARD e PAUL NEWMAN
10 filmes, de 1958 a 1990

O MERCADOR DE ALMAS
(The Long, Hot Summer, 1958)
direção de Martin Ritt

A DELÍCIA DE UM DILEMA
(Rally 'Round the Flag, Boys!, 1958)
direção de Leo McCarey

PAIXÕES DESENFREADAS
(From the Terrace, 1960)
direção de Mark Robson

PARIS VIVE À NOITE
(Paris Blues, 1961)
direção de Martin Ritt

AMOR DAQUELE JEITO
(A New Kind of Love, 1963)
direção de Melville Shavelson

500 MILHAS
(Winning, 1969)
direção de James Goldstone

A SALA DOS ESPELHOS
(WUSA, 1970)
direção de Stuart Rosenberg

A PISCINA MORTAL
(The Drowning Pool, 1975)
direção de Stuart Rosenberg

MEU PAI, ETERNO AMIGO
(Harry & Son, 1984)
direção de Paul Newman

CENAS DE UMA FAMÍLIA
(Mr. & Mrs. Bridge, 1990)
direção de James Ivory

JUDY GARLAND e MICKEY ROONEY
10 filmes, de 1937 a 1948

MENINO DE OURO
(Thoroughbreds Don't Cry, 1937)
direção de Alfred E. Green

O AMOR ENCONTRA ANDY HARDY
(Love Finds Andy Hardy, 1938)
direção de George B. Seitz

SANGUE DE ARTISTA
(Babes in Arms, 1939)
direção de Busby Berkeley

ANDY HARDY E A GRÃ-FINA
(1940)
direção de

O REI DA ALEGRIA
(Strike Up the Band, 1940)
direção de Busby Berkeley

ANDY HARDY CAVA A VIDA
(Life Begins for Andy Hardy, 1941)
direção de George B. Seitz

CALOUROS NA BROADWAY
(Babes on Broadway, 1941)
direção de Busby Berkeley

LOUCO POR SAIAS
(Girl Crazy, 1943)
direção de Norman Taurog e Busby Berkeley

A FILHA DO COMANDANTE
(Thousands Cheer, 1943)
direção de George Sidney

MINHA VIDA É UMA CANÇÃO
(Words and Music, 1948)
direção de Norman Taurog

33 comentários:

ANA CLÁUDIA BEZERRA BARROS disse...

amigo seu blog está maravilhoso.

Parabéns!

Indira D. disse...

Seu trabalho é excelente. Parabéns. Abraços.

Lorenzo Masin disse...

Ciao Antonio!
como estàs amigo meu?? :)
es siempre un piacere receibir tus interessantes mail...
esplorerò tu bravo blog..
Te invio un beso y un abrazo!

Lorenzo Masin
Turin, Italia

JAMIL J. LANDIM disse...

Antonio, o blog está cada vez melhor: ultra sofisticado e com conteúdo versátil e super interessante. Em relação ao post, ninguém supera os maravilhosos Spencer Tracy e Katharine Hepburn.
Bjs

Helena Castelli disse...

Vim só para fazer uma visita, mas com este excelente trabalho, fiquei a ler. Logo à noitinha virei reler... aqui senti-me em casa!...

Beijos de bom dia.

Júnia disse...

Eternamente meus preferidos
Astaire/Rogers e Katie / Spencer

Dilberto L. Rosa disse...

Destes todos, meu par favorito é Mastroianni e Loren, tamanha a química capaz de sustentar até filmes fraquinhos como "Um Dia especial"... Bela listagem! Um feliz 2011, cheio de luz e Cinema!

HENRIQUE WAGNER disse...

Maravilha!!! Que perícia, vc tem, no que escreve... Adorei a matéria sobre os casais famosos do cinema. Espero o momento da Romy Schneider (minha grande paixão) e Alain Delon juntos. Em A piscina eles estão maravilhosos, num filme feito justamente para eles...


Abç!!!

H.

siby13 disse...

Linda homenagem, bela matéria.
Visual e escrita de muito bom gosto.
Mas minha dupla preferida não está na matéria, rs
Com certeza que Lara e Yuri Jivago é minha dupla preferida, vejo o filme mil vezes e nunca me canso, rs.
Beijos e Parabéns pela matéria.

Oliver Pickwick disse...

Pela tradição e a longevidade da parceria a minha dupla favorita é Olivia de Havilland e Errol Flynn. Por outro lado, sem considerar o componente romântico, fico com Stan Laurel e Oliver Hardy.
Um abraço e vida longa ao blog!

Geziel Cardozo disse...

Kate e Spencer Tracy e vc?

Toninho Luz disse...

Tem muita gente adorável neste quesito, né meu grande!Mas eu ainda aposto minhas fichas em Katherine Hepburn X Spencer Tracy & Humphrey Bogart x Lauren Bacall . Eram brilhantes e carismáticos quando juntos!
Grande final de semana!!!

Marcelo C,M disse...

Ai migo. Valeu pelo comentario la no meu blog. Se puder assista de novo Cidade Dos Sonhos, acredite, é sim um dos melhores filmes da decada passada, tanto que já perdi as contas de quantas vezes eu assisti e quanto mais eu assisto mais vejo inumeros detalhes que antes não tinha visto. Obrigado pelo comentario sobre a lista dos 10 mais, isso significa que não estou louco hehehehehehe.
Valeu por meu blog estar em destaque no seu agora, lhe agradeço muito. Qualquer coisa me escreva, abraços amigo.

Luiz Carlos Freitas disse...

Essa respondo sem pensar duas vezes: Bogart e Bergman em Casablanca. Você não tem noção do quanto esse filme representa pra mim.

Lima Trindade disse...

Rapaz, para mim não existe "melhor" dupla, mas, sem dúvida, os dois garotos de "Delicada Atração" formam um belo par. Entre tantos.

Katharine disse...

aah muito obg pelo site! adoorei as duplas!
beijos

annastesia disse...

Tracy e Hepburn são os meus favoritos. Adoro A costela de Adão e A mulher do dia. Devo destacar também a classe e elegância de Myrna e William.

Cefas Carvalho disse...

De forma geral, prefiro Fred Astaire e Ginger Rogers (principalmente em O picolino). De forma específica, Jivago e Lara, respectivamente Omar Shariff e Julie Christie em "Doutor Jivago". Abração e parabéns pelo blog!

Danielle disse...

Oi, Antonio!

Que bom que deu certo!
Tenho os dois filmes sim e adoro a ideia da troca. Estou tentando encontrar na net "Ah, wilderness!" mas não o acho em lugar nenhum. Você o tem? Também queria "E a mocidade é assim" (estou adorando ver filmes com o Mickey Rooney).

bjos
Dani

Tertúlias... disse...

Que blogotimo e adorei a escolha das primeiras duplas "bem sucedidas" (Detalhe, Ladd estava sempre num banquinho porque era baixinho... mas tao alto como nesa foto, jamais!!!! Amei!)

Flávio Adler disse...

Olivia de Havilland e Errol Flynn!!! Perfeitos...

Roderick Verden disse...

Olha a cara do Errol Flynn! rs. Cinismo? Canastrice? Ele a Olivia formavam uma grande dupla. Sophia Loren e Mastroianni tb eram demais!

Gostaria de lembrar tb de Doris Day e Rock Hudson.

angela disse...

Muito difícil escolher as duplas são ótimas.
Gostei de seu blog é bastante interessante.
beijos

Cris França disse...

que post maravilhoso, uma viagem, um épico. adorei

bjs

Dezito (André Sousa) disse...

Rogers e Astair eram fenomenais !

Abç

Danilo Ator disse...

Postagem maravilhosa. Amo esse tipo de lista. Espero a parte 2. Abraço.

Danielle disse...

Oi, Antonio!

Estava no meio de uma mensagem pra você quando parou a força aqui em casa ontem...

Adorei sua ideia de trocarmos filmes!
Vou te passar a listinha do que eu tenho dos artistas que vc mencionou (coloca no seu blog um mecanismo de busca, assim fica mais fácil de localizarmos os filmes que você tem).

Da Jennifer Jones, Merle Oberon, Gene Tierney eu, que me lembre, não tenho nada.

Tenho bastante coisa do Lubitsch, que adoro: To be or not to be; The Love Parade (musical sensacional de 1929!); A loja da esquina; Ninotchka; O diabo disse não; A Viúva Alegre; Trouble in paradise; One hour with you; O tenente sedutor (que é com a Claudette Colbert e a Miriam Hopkins); Monte Carlo; Lady windemere's fan (filme mudo ótimo com o Ronald Colman); Rosita (com legenda em russo...); Mme Du Barry; Sumurum.

Tenho um com o F. March e a Norma Shearer que é bem bonito, "O amor que não morreu" (na minha opinião vale a pena comprar a cópia distribuída pela Classic Line, que custa baratinho e vem com as 2 versões do filme - a 2. é com Jeanette Macdonald e Brian Aherne.

Com a C. Colbert tenho o Aconteceu Naquela Noite (q com certeza vc tem) e Feras que foram homens.

Você pode gravar pra mim "Acorrentada" e "A mocidade é assim"? O que mais vc tem do Mickey Rooney (dos filmes mais antigos)? Estou querendo conhecer melhor o trabalho dele.

Bjs, vamos nos falando.
Dani

helenahistory disse...

Me lembro de ainda pequena ver o show de Giger Rogers e Fred Asteire dançado. Ela com aquele vestido de plumas branco e ele de terno preto na maior elegancia. Nunca vi nada igual a sincronia e sintonia.Agora vi um documentario de que eles não se suportavam. Imagine quanto profissionalismo. Impressionante.

helenahistory disse...

primo não vi na lista o nome de Chareston Heston (acho que se escreve assim). O grande astro dos Dez Mandamentos, Ben Hur, etc. Eu o amava.Se puder coloque ele na lista.bjs

Sonia disse...

Alan ladd e Veronica Lake, dupla "baixinha" romântica e bem sucedida,que eu adoro! Kim Basinger, em Los Angeles - Cidade Proíbida, me fez lembrar Miss lake, e seu famoso estilo de cabelos.
Na minha opinião, dupla imbatível em beleza, não superada até hoje é a parceria Mont Clift e Liz Taylor em "Um Lugar ao Sol", que comprei rapidinho quando vi o anúncio na Livraria Saraiva.
Parabéns pela matéria! Excelente!

Rubi disse...

Estava dando uma olhada em seu blog e acabei encontrando este texto por acaso. De todos, Astaire e Ginger Rogers é o meu casal preferido. Impressionante a atuação de ambos,me encanto a cada cena!

Faroeste disse...

Invejo grandemente quem teve a graça de acompanhar todos estes pares. Eu jamais vi; Myrna/Powell, Ladd/Lake e Armendariz e Dolores.
Vi muito pouco; Loren/Marcello e o intragável e metido a insuperável Astaire e Ginger.
Porem Tracy e Hepburn e Flinn e Olivia são fora de série.
São os meus pares de preferencia.
jurandir_Lima@bol.com.br

Elisandra Pereira disse...

Excelente post!