novembro 22, 2014

********* OSCAR 2015 – PREVISÕES PREMATURAS

joaquin phonix em “vício inerente”
Os indicados ao OSCAR 2015 serão anunciados no dia 15 de janeiro. Com a proximidade da data, começam as especulações e os favoritos despontam. Realizada no Teatro Dolby, em Hollywood, dia 22 de fevereiro, a cerimonia será transmitida ao vivo para 225 países.

Mesmo com possíveis concorrentes ainda inéditos nos cinemas nacionais, o blog O FALCÃO MALTÊS aposta suas fichas, escolhendo dez filmes, dez atrizes e dez atores. Veja a lista abaixo. Qual a sua opinião e os seus favoritos?

MELHOR FILME

Exibido pela primeira no Festival de Cannes, onde venceu o premio de Melhor Direção, “Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo”, até o momento é o grande favorito. Bennett Miller, conhecido por “Capote / Idem” (2005) e “O Homem que Mudou o Jogo / Moneyball” (2011), ambos indicados ao Oscar, volta ao tema do esporte, baseando-se em fatos reais. Narra a sombria e trágica história da relação entre o excêntrico multimilionário John du Pont, que forma uma equipe para treinar para os Jogos Olímpicos de Seul em 1988 em seu novo centro de treinamento, e os irmãos Mark e Dave Schultz, campeões olímpicos de luta. Nos papéis de Mark, seu irmão Dave e Du Pont, Channing Tatum e dois impressionantes Mark Ruffalo e Steve Carell, respectivamente.

GRANDES OLHOS
(Big Eyes)

de Tim Burton
Drama com Christoph Waltz, Amy Adams,
Krysten Ritter e Terence Stamp


CAMINHOS DA FLORESTA
(Into the Woods)

de Rob Marshall
Fantasia com Emily Blunt, Johnny Depp,
Meryl Streep e Chris Pine


FOXCATCHER: UMA HISTÓRIA QUE CHOCOU O MUNDO
(Foxcatcher)

de Bennett Miller
Cinebiografia com Steve Carell, Channing Tatum,
Mark Ruffalo e Vanessa Redgrave


GAROTA EXEMPLAR
(Gone Girl)

de David Fincher
Thriller com Ben Affleck, Rosamund Pike
e Neil Patrick Harris


JAMES BROWN
(Get on Up)

de Tate Taylor
Cinebiografia com Chadwick Boseman, Nelsan Ellis,
Dan Aykroyd e Viola Davis


O GRANDE HOTEL BUDAPESTE
(The Great Budapeste Hotel)

de Wes Anderson
Comédia com Ralph Fiennes, F. Murray Abraham,
Mathieu Amalric, Adrien Brody, Willem Dafoe,
Jeff Goldblum, Harvey Keitel, Jude Law,
Bill Murray, Edward Norton, Saoirse Ronan,
Léa Seydoux, Tilda Swinton e Tom Wilkinson


INTERESTELAR
(Interstellar)


de Christopher Nolan
Fiçcao-Científica com Matthew McConaughey, Anne Hathaway,
Jessica Chastain, Ellen Burstyn, Michael Caine
e Wes Bentley



O JOGO DA IMITAÇAO
(The Imitation Game)

de Morton Tyldum
Cinebiografia com Benedict Cumberbatch, Keira Knightley,
Matthew Goode e Charles Dance


SR. TURNER
(Mr. Turner)

de Mike Leigh
Cinebiografia com Timothy Spall, Paul Jesson
e Dorothy Atkinson


VÍCIO INERENTE
(Inherent Vice)

de Paul Thomas Anderson
Comédia com Jena Malone, Reese Witherspoon,
Joaquin Phoenix, Josh Brolin, Benicio Del Toro
e Owen Wilson


MELHOR ATRIZ

Será que dessa vez Amy Adams leva a estatueta? Depois de cinco indicações e nenhuma vitória, há boas possibilidades dela receber a sua sexta indicação, agora por interpretar um personagem real - algo que a Academia adora. Mas a sensacional veterana Julianne Moore também está na corrida ao OSCAR 2015 por duas elogiadas interpretações: Havana Segrand, atriz neurótica e decadente em “Mapa para as Estrelas”, e Dra. Alice Howland, que sofre com Alzheimer precoce em “Still Alice”. Ela levou o premio de Melhor Atriz no Festival de Cannes pelo drama bizarro de David Cronenberg. Moore também é um típico caso de injustiça: quatro indicações e nenhuma estatueta. Há quem diga que esse é o seu momento.

AMY ADAMS

GRANDES OLHOS
(Big Eyes)
de Tim Burton

FELICITY JONES

A TEORIA DE TUDO
(The Theory of Everything)
de James Marsh

JESSICA CHASTAIN

O DESAPARECIMENTO DE ELEANOR RIGBY
(The Disappearance of Eleanor Rigby)
de Ned Benson

JESSICA LANGE

THE GAMBLER
de Rupert Wyatt

JULIANNE MOORE

STILL ALICE
de Richard Glatzer e Wash Westmoreland
MAPA PARA AS ESTRELAS
(Maps to the Stars)
de David Cronenberg

KEIRA KNIGHTLEY

MESMO SE NADA DER CERTO
(Begin Again)
de John Carney

MAGGIE SMITH

MY OLD LADY
de Israel Horovitz

MARION COTILLARD

ERA UMA VEZ EM NOVA YORK
(The Immigrant)
de James Gray

REESE WITHERSPOON

A BOA MENTIRA
(The Good Lie)
de Philippe Falardeau

SHIRLEY MACLAINE

ELSA & FRED
de Michael Radford

MELHOR ATOR

Os especialistas se dividem entre os britânicos Benedict Cumberbatch e Timothy Spall. O primeiro tem a responsabilidade de interpretar um matemático homossexual que solucionou um dos códigos que ajudaram a acabar com a II Guerra Mundial. A passagem de “O Jogo da Imitação” pelo Festival de Toronto foi estrondosa e o protagonista transformou-se em forte candidato ao OSCAR 2015. Também muito elogiado, Spall interpreta o pintor inglês J.M.W. Turner, um dos pioneiros do movimento impressionista. Ele ganhou o premio de Melhor Ator em Cannes e foi nomeado para o European Film Awards.

AL PACINO

MANGLEHORN
de David Gordon Green

BENEDICT CUMBERBATCH

O JOGO DA IMITAÇÃO
(The Imitation Game)
de Morton Tyldum

CHADWICK BOSEMAN

JAMES BROWN
(Get on Up)
de Tate Taylor

CHRISTOPHER PLUMMER

ELSA & FRED
de Michael Radford

JOAQUIN PHOENIX

VÍCIO INERENTE
(Inherent Vice)
de Paul Thomas Anderson

MICHAEL FASSBENDER

MACBETH
de Justin Kurzel

MICHAEL KEATON

HOMEM-PÁSSARO
(Birdman)
de Alejandro González Iñárritu

RALPH FIENNES

O GRANDE HOTEL BUDAPESTE
(The Great Budapest Hotel)
de Wes Anderson

TIMOTHY SPALL

SR. TURNER 
(Mr. Turner)
de Mike Leigh

VIGGO MORTENSEN

AS DUAS FACES DE JANEIRO
(The Two Faces of January)
de Hossein Amini
  

5 comentários:

disse...

Difícil fazer apostas agora, mas concordo com algumas coisas que você falou. Se fosse para eu dar um palpite agora, apostaria em prêmios de Efeitos Especiais para Interestelar e Figurino e / ou Cenário para Grande Hotel Budapeste.
Ficaria feliz se Amy ou Julianne ganharem como Melhor Atriz, e sem dúvida Benedict é forte candidato a Melhor Ator.
Abraços!

Marcelo Castro Moraes disse...

Garota Exemplar e um que gostei muito

As Tertulías disse...

AMEI!!!!! ( e "entre nous": estou torcendo por Maggie!!!!)

David Stukov disse...

Excelente. Muito grato.

Paola Sánchez disse...

Todo ano eu aguardo com grande entusiasmo a chegada do Oscar. Sem dúvida que este ano, eu adorava assistir nomeado do filme Foxcatcher, é uma história onde a ganância, drama, sucesso e fracasso a cada minuto cativar o espectador. Definitivamente vale a pena conferir.